Recursos para a Educação em Ciências
    Banca da Ciência | Experimentoteca | Mão na Massa
 

O Conto de Ficção Cientifica Cruzada de Arthur Clarke Como Recurso Pedagógico Para o Ensino de Ciências

Alisson Leite Gomes

Clique para ampliar

Resumo

O conto Cruzada de Arthur Clarke (CLARKE, 197?) é a descrição de um planeta situado entre duas galáxias em uma região sem estrelas e com pouca presença de calor. O elemento químico mais abundante por lá é o hélio em estado liquido, que compõe os mares desse mundo. As correntes elétricas uma vez formada passam a fluir eternamente, sem nenhuma perda de força. Este é um mundo ideal para a supercondutividade. Neste local também existe vida, pois o próprio planeta está vivo e possui inteligência, capaz até de se questionar sobre a existência de vida em outras regiões do universo. E na busca por essa resposta foram enviadas duas “sondas” denominadas de prole em referência a inteligência mãe, o planeta. Cada uma das proles seguiu para cada uma das galáxias que mantêm o seu mundo em equilíbrio gravitacional, porém, sua missão foi um fracasso por causa das altas temperaturas encontradas. No entanto, outras sondas mais bem preparadas foram enviadas e para a surpresa deles em uma das galáxias foram encontradas formas de vida desenvolvidas sobre condições térmicas mais elevadas do que a deles.

Objetivos

Utilizar esse conto como mediador para uma reflexão acerca da existência de vida em outros planetas e de como seria a sua forma.

Estrutura da Atividade

  • Os alunos lêem o conto.
  • O professor promove a “recontagem” coletiva da história.
  • Os alunos discutem, em grupos, sobre como seria o encontro entre as duas civilizações.
  • As descrições do encontro elaboradas pelos grupos são relatadas a toda classe.
  • O professor conduz a reflexão dos alunos utilizando as estórias elaboradas por eles.

Formas de Registro

Cada grupo deverá produzir uma redação, na qual será descrito o encontro entre as duas civilizações.

Introdução

Os contos possuem certas características que os tornam um valioso recurso pedagógico: são mais focados em torno de um tema específico, mais rápido de serem trabalhados e, sendo um gênero escrito, atuam nas habilidades de leitura e interpretação. Eles também exigem em geral maior esforço de raciocínio, trazendo idéias mais complexas e intricadas, muitas vezes estabelecendo uma polêmica ao deixar questões em aberto que podem ser abordadas durante a aula.

Essas são algumas vantagens que podem ser encontradas no trabalho com contos em sala de aula, mas que não são facilmente obtidas com outros recursos, como, por exemplo, em filmes de ficção cientifica. No geral os filmes de FC requerem um tempo de apresentação estimado em duas horas, além do que a linguagem cinematográfica pode inibir a imaginação e a criatividade do aluno ao exibir as cenas prontas, sem dar espaço para a sua elaboração.

Material

Uma cópia do conto para cada aluno.

Procedimento

Sugerimos que o professor entregue uma cópia do conto para cada aluno da classe, após a entrega deve-se iniciar a leitura do texto. O professor pode optar em realizar a leitura do conto de forma individual e silenciosa ou pedir para que alguns alunos leiam trechos contínuos da estória em voz alta até que se tenha lido todo o texto. A partir da leitura, os alunos devem elaborar uma redação decrevendo um encontro entre duas civilizações: uma terráquea e uma fictícia. Nesse encontro os alunos terão que se atentar para o maior número de detalhes possíveis que venha a caracterizar esse planeta, como por exemplo, a temperatura, seu tamanho, sua localização, dentre outros pontos. Pois, com base nesses dados o viajante da terra poderá se preparar melhor para que a realização do encontro seja um sucesso.

Situação-Problema

Existe vida em outras regiões do universo, além da Terra.

Hipóteses

Podemos encontrar algum tipo de vida semelhante a nossa dentro de uma estrela.

Elementos Para Testar as Hipóteses

O valor máximo de temperatura que o animais e vegetais suportam aqui no planeta Terra.

Discussão Pedagógica

A leitura do conto Cruzada e da atividade possibiita ao aluno reflitir sobre: caso exista vida em outras partes do universo, isso não implica que a sua forma seja idêntica ou semelhante a que conhecemos aqui terra. Além do que o exercício de imaginar um encontro entre duas diferentes civilizações, bem como o trecho do conto em que descreve o fracasso da primeira missão, abre espaço para o professor justificar que tais diferenças podem estar relacionadas às condições com as quais a vida teve que evoluir.

Referências

CLARKE, A. C. O Vento Solar, São Paulo, Círculo do Livro, 197?

Dados adicionais

Autores:  

Alisson Leite Gomes

Duração:  

Duas aulas

Área:  

astronomia

Tema:  

astrobiologia

Tópico:  

SETI

Enfoques:  

Uso de material

Artes:  

Contos

 
 

O CiênciaMão é um projeto de extensão universitária da Escola de Artes, Ciências e Humanidades da Universidade de São Paulo, com apoio da Universidade Federal de São Paulo e das entidades abaixo listadas. É coordenado pelo grupo de pesquisa Interfaces. Constitui-se em um repositório de recursos para a educação em ciências, voltado para educadores em geral. Os itens listados são cadastrados manualmente em um banco de dados, de acordo com diretrizes editoriais da coordenação do projeto.

 

EFLCH
Escola de Filosofia, Letras e Ciências Humanas

 

EACH
Escola de Artes, Ciências e Humanidades

Financiamento e apoio:


UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO
Copyright © 2006-2013 Universidade de São Paulo - Todos os direitos reservados