Atividades de Ciências da Natureza

Recurso de Mídia: de Volta Para o Futuro

Natalia Lucas Moreira, Silva

Clique para ampliar

Resumo

Filme norte americano lançado no ano de 1985, que representou grande sucesso de bilheteria e possui uma legião de fãs até os dias de hoje. Tem em seu elenco grandes nomes como: Michael J. Fox, Crispin Glover, Lea Thompson, Christopher Lloyd Thomas F. Wilson, Billy Zane, sendo Michael J. Fox e Christopher Lloyd os atores principais do filme, nos papeis do jovem Marty McFly e do excêntrico Dr. Brown, respectivamente. Quem assina sua produção é o renomado Steven Spielberg. O filme representa um misto de comédia e ficção científica. Back To The Future, nome original do filme, teve continuidade nas telonas, tornando-se posteriormente em uma trilogia.

O enredo do filme se dá em torno da vida de um adolescente que junto com seu amigo cientista acabam realizando uma viagem no tempo. Dr. Brown conseguiu construir sua máquina do tempo utilizando um DeLorean, carro cujas portas se abrem para cima. Um dos motivos para q Dr. Brown escolhesse este modelo de carro foi o fato de sua carroceria ser de aço inoxidável o que supostamente ajudaria a dispersar o fluxo do tempo. Máquina criada, o cientista precisava então realizar seus testes com uma cobaia, e o primeiro a realizar a viagem no tempo é seu cãozinho, chamado Einstein.Como toda boa comédia, vários contratempos acontecem e Dr. Brown e Marty se atrapalham ao longo do filme. Quando chega a hora de Dr. Brown enfim embarcar em sua viagem temporal quem acaba indo em seu lugar é Marty. Marty viaja rumo ao ano de 1955, 30 anos antes de seu tempo atual.

Preso no ano de 1955 e sem saber como fazer a máquina do tempo o levar para seu tempo de origem Marty resolve procurar o cientista e pedir sua ajuda. Porém acaba se encontrando com aqueles que no “futuro” seriam seus pais, e acidentalmente poe sua existência em risco, já que sua mãe acaba se apaixonando por ele. Começa então uma corrida contra o tempo, Marty precisa reverter os mal-entendidos, unir seus pais novamente e voltar para o futuro sem interferir na história.

Finalmente Marty encontra Dr. Brown, mas um novo problema surge, o DeLorean não funciona à gasolina, para acionar o capacitor de fluxo, aparelho que torna a viagem no tempo possível, é necessário algo que gere uma corrente elétrica de 1.21 gigawatts (gigawatts = mil milhões de watts). Quando Dr. Brown criou o carro utilizou como combustível o plutônio. Onde encontrar plutônio?Marty se recorda de um acontecimento marcante que ocorrera no ano de 1955, um forte raio atingiu a torre do relógio da cidade, seria esta a fonte de energia necessária então para acionar novamente a máquina do tempo. A data prevista para a queda do raio seria no sábado seguinte, nesse meio tempo Marty consegue fazer com que seus pais se encontrem no baile de formatura e se beijem, resolvendo o problema então de sua existência “futura” e Dr. Brown fazer os reparos necessários no carro.

Chega o momento de ir de volta para o futuro (o que origina o nome do filme), o Dr. Brown de 1955 conseguiu bolar um meio de canalizar um raio diretamente para o capacitor de fluxo, gerando os 1.21 gigawatts necessários para mandar Marty de volta a 1985. O deslocamento temporal (viagem no tempo) ocorre quando o carro atinge 88 milhas por hora (144 quilômetros por hora). A emocionante viagem de volta para o futuro se dá com um show de luzes, deixando para trás um rastro de chamas. O telespectador pode ter a impressão de que um portal é aberto para a máquina se desloque em direção ao futuro (eu tive esta impressão).

È muito marcante a preocupação de não interferir nos acontecimentos do passado (1955) para que isso não modifique a historia do presente (1985), mas algo dá errado e pode até passar despercebido para algumas pessoas. No estacionamento onde Marty encontra o Dr. Brown no começo do filme, tem uma placa escrito "Twin Pines Mall" ("Shopping Pinheiros Gêmeos"). Em determinado momento do filme Dr. Brown comenta o dono daquele terreno costumava plantar pinheiros, fica fácil ligar uma informação a outra já que quando Marty volta no tempo, acaba passando por cima de um pinheiro com o DeLorean, já no final do filme, quando ele retorna ao estacionamento placa mudou para "Lone Pine Mall” ("Shopping Pinheiro Solitário").

Objetivos

Permitir que os alunos tenham um contato ilustrativo de conceitos da Física Relativística.

Estrutura da Atividade

  • Abordagem da Teoria Especial da Relatividade;
  • Apresentação do recurso de mídia: De Volta para o Futuro (depende da opção do professor, apresentar o filme em classe ou solicitar que os alunos assitam em casa);
  • Resenha do enredo e anotações de observações feitas sobre o filme;
  • Discução em sala de aula.

Formas de Registro

Resenha sobre o enredo e anotações de observações feitas sobre o filme.

Procedimento

Na discução em sala de aula sobre o que os alunos observaram que seria possível ou não realmente acontecer conforme o filme, intermedie as opiniões apresentadas, confirmando e complementando as que tiverem coerência e negando e explicando o porquê no caso de idéias errôneas.

Ações dos Alunos

Assistir ao filme e questionar/analizar os acontecimentos do enredo com base nos conhecimentos da física relativística previamente abordada e produzir uma resenha baseada no enredo do filme.

Observações

Assistindo ao filme, facilmente identifiquei alguns fatos que contradizem as leis da física e fazem com seu enredo seja possível somente na ficção científica.

A princípio, para que a viagem no tempo realizada por Marty fosse possível, ele teria de viajar próximo à velocidade da luz a fim de tirar vantagem da dilatação temporal, o que é completamente consistente com as leis da física. Porém a velocidade atingida pelo DeLorean (máquina do tempo) para realizar a viagem é de 88 milhas por hora, ou seja, apenas 144 km/h. Esta é a primeira contradição encontrada.

A segunda contradição encontrada é que podemos nos mover no espaço para frente ou para trás, para a esquerda ou para a direita, para cima ou para baixo, mas no tempo podemos nos mover apenas num único sentido, pois o tempo transcorre apenas de uma maneira, para frente, lembrando que utilizamos os parâmetros terrestres, aqui na Terra nos movemos constantemente para o futuro a uma taxa constante de 24 horas por dia. No filme Marty viaja para o passado, encontrando com seus pais antes mesmo de sua própria existência. Podemos enxergar no passado, mas não podemos ir para o passado.

Supondo que a máquina do tempo fosse uma espaçonave e que estivesse a uma velocidade muito próxima a da luz, Marty poderia viajar para o “futuro”, visto que para uma pessoa no espaço e para outra numa espaçonave, os tempos não são os mesmos. O que ocorreria seria que, caso a velocidade de locomoção de Marty fosse de 99,5% da velocidade da luz, 10 anos teriam se passado na Terra para um ano decorrido na espaçonave. Ao retorna então Marty teria envelhecido 10 anos a menos do que as pessoas que ficaram lhe aguardando.

Outro ponto curioso do filme é que Marty ao viajar com o DeLorean muda sua região no tempo, mas não sua posição no espaço. Aparentemente a máquina do tempo no filme não se desloca no espaço, dando a volta ao mundo, por exemplo, mas apenas se desloca no tempo, como se “teletransportasse” do ano de 1985 para 1955, partindo e ressurgindo no mesmo espaço (lugar).

Concluindo, pela teoria especial da relatividade a viagem realizada não filme não seria possível. Caso as tecnologias existentes nos permitissem viajar a uma velocidade próxima a velocidade da luz, seria possível viajar para o “futuro”, mas jamais para o passado, visto que o tempo transcorre numa única direção, para frente.

Dicas

Trabalhar previamente os conteúdos da Teoria Especial da Relatividade.

Noções Científicas

Teoria Especial da Relatividade

Dados adicionais

Autores: Natalia Lucas Moreira e Silva

Duração: 2 aulas

Nível: Ensino Médio

Termos Científicos: Dilatação Temporal, Corrente elétrica, Gigawatts, Velocidade da Luz, Teoria Especial da Relatividade

Área: física

Enfoques: Uso de material

Material Didático: Vídeos

Atividade Experimental: Análise de dados

Como Obter

Baixar Arquivo Pdf

INTERFACES E NÚCLEOS TEMÁTICOS DE ESTUDOS E RECURSOS DA FANTASIA NAS ARTES, CIÊNCIAS, EDUCAÇÃO E SOCIEDADE
Copyright © 2006-2015 Universidade de São Paulo - Universidade Federal de São Paulo
Escola de Artes, Ciências e Humanidades da USP
Escola de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da UNIFESP
Instituto de Ciências Ambientais, Químicas e Farmacêuticas da UNIFESP
Todos os direitos reservados

Financiamento e apoio: