Notícias Online

Respiração Boca-A-Boca Não É Mais Essencial em Infarto

Claudia Collucci


Parada cardíaca, respiração boca-a-boca

Resumo

Estudo aponta não ser mais necessário fazer a respiração boca-a-boca em pessoas que sofrem uma parada cardíaca, uma vez que tal procedimento possui a mesma eficácia da compressão ritimada do tórax feita de forma isolada. A falta de conhecimento das pessoas em ressucitação, nojo e medo foram os motivadores do estudo.

Links

Matéria completa

Dados adicionais

Órgão: Folha Online

Agência: Folha de São Paulo

Autor: Claudia Collucci

Dia: 02

Mês: 05

Ano: 2008

Área Geral: Saúde

Palavras-Chave: respiração boca-a-boca; parada cardíaca, massagem cardíaca

Área: Saúde

Video: Não

INTERFACES E NÚCLEOS TEMÁTICOS DE ESTUDOS E RECURSOS DA FANTASIA NAS ARTES, CIÊNCIAS, EDUCAÇÃO E SOCIEDADE
Copyright © 2006-2015 Universidade de São Paulo - Universidade Federal de São Paulo
Escola de Artes, Ciências e Humanidades da USP
Escola de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da UNIFESP
Instituto de Ciências Ambientais, Químicas e Farmacêuticas da UNIFESP
Todos os direitos reservados

Financiamento e apoio: