Recursos para a Educação em Ciências
    Banca da Ciência | Experimentoteca | Mão na Massa
 

O Conceito de Mediação na Fala de Diretores de Museus de Ciências de Belo Horizonte: Reflexões Para a Construção de uma Prática Educativa Para o Ensino de Física

Silvania Sousa do Nascimento, Maria José P. M. de Almeida

Resumo

Esta comunicação discute algumas implicações para o ensino de física da concepção de mediação de cinco diretores de museus de ciências da cidade de Belo Horizonte. Tais concepções foram construídas a partir da análise de entrevistas semi-estruturadas desenvolvidas como parte de uma investigação sobre museus de ciências de Minas Gerais. Analisamos as entrevistas numa perspectiva de análise de discurso iniciada por Michel Pêcheux, na qual a mediação é um trabalho, e nos pautamos em dispositivo de análise baseado em diferentes concepções subentendidas, pelos diretores dos museus, e suas relações na constituição e exposição de seus acervos.Nosso objetivo neste artigo é discutir como a concepção de mediação implícita no discurso de diretores de museus de ciência pode ser interpretada como uma possível filiação a determinadas posições sobre a educação científica. Dessa forma duas questões nortearam nossa discussão: o que é mediação para os diretores entrevistados e que implicações tais concepções podem ter na proposta de educação científica dos museus. Encontramos indícios nas falas dos diretores de que o conceito predominante de mediação está relacionado à ligação entre o conhecimento científico e o conhecimento do visitante. As demais concepções de mediação também organizam os espaços museais estudados, no entanto ainda parece predominante um modelo positivista da Educação Científica. Com essa compreensão inferimos que a relação entre os objetos e os visitantes pode ser dinâmica e contextualizada tanto no passado quanto no presente. Com os indícios dos discursos dos diretores poderemos analisar mais profundamente a ação museal considerando que esses discursos podem não refletir completamente tais ações. É esse nosso objetivo de continuidade da pesquisa.

Dados adicionais

Autores:  

Silvania Sousa do Nascimento, Maria José P. M. de Almeida

Instituições:  

UFMG- GepCE, UNICAMP

Palavras-Chave:  

mediação, museus de ciências, entrevistas.

Simpósio:  

XVIII

Ano:  

2009

Apresentação:  

Comunicação Oral

Sessão:  

Divulgação Científica e Comunicação no Ensino de Física

 
 

O CiênciaMão é um projeto de extensão universitária da Escola de Artes, Ciências e Humanidades da Universidade de São Paulo, com apoio da Universidade Federal de São Paulo e das entidades abaixo listadas. É coordenado pelo grupo de pesquisa Interfaces. Constitui-se em um repositório de recursos para a educação em ciências, voltado para educadores em geral. Os itens listados são cadastrados manualmente em um banco de dados, de acordo com diretrizes editoriais da coordenação do projeto.

 

EFLCH
Escola de Filosofia, Letras e Ciências Humanas

 

EACH
Escola de Artes, Ciências e Humanidades

Financiamento e apoio:


UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO
Copyright © 2006-2013 Universidade de São Paulo - Todos os direitos reservados